Videos'do Editor

Flamengo terá 'casa' em São Paulo. Basta que grupo rival vença eleição

O Flamengo procura um local para mandar jogos no próximo ano. Por conta dos fechamentos de Maracanã e Engenhão para os Jogos Olímpicos Rio-2016, o clube estuda alternativas. Se depender da chapa "Vencer, Vencer, Vencer", capitaneada por Wallim Vasconcellos e Luiz Eduardo Baptista, o Bap, a nova "casa" rubro-negra já está escolhida. Trata-se do estádio Paulo Machado de Carvalho, o famoso Pacaembu, em São Paulo.
Caso saia vitorioso na eleição do fim do ano, o agora grupo de oposição aposta no território paulista como importante fonte de receitas. Até por isso, São Paulo tem sido uma base fundamental na campanha dos dissidentes da atual gestão.
"São Paulo é um grande centro e tem um estádio sem utilização. É perto do Rio de Janeiro e comporta a nossa torcida. Ficaria confortável para todos antes e no período da Olimpíada. Seria ótimo. É sentar com a prefeitura e resolver. Dependendo da repercussão poderíamos até estender o uso do estádio", afirmou o candidato Wallim Vasconcellos.
No ano passado, o Rubro-negro mandou uma partida do Campeonato Brasileiro na cidade. Pouco mais de 4.500 torcedores compareceram ao Morumbi e assistiram ao empate por 1 a 1 com o Figueirense. Wallim e Bap faziam parte da gestão Bandeira de Mello e sempre defenderam a venda de jogos para outras praças.
Entretanto, a relação com São Paulo é mais do que isso. Na última semana, a dupla esteve reunida com cerca de 300 rubro-negros na embaixada "Fla Sampa" e expôs as propostas para governar o clube da Gávea nos próximos três anos. A campanha para conquistar os votos dos sócios "Off-Rio" está a todo o vapor, assim como a convicção de que o principal centro do país pode fazer a diferença a favor do Flamengo.
"Temos vários rubro-negros em posições importantes na cidade de São Paulo. São empresas de grande porte e também uma enorme torcida na capital. Isso ajuda a promover ações específicas e colabora na conquista de patrocínios. São Paulo é a capital econômica do Brasil. O Flamengo precisa avaliar e explorar isso da melhor forma possível junto aos grandes empresários. O clube só tem a ganhar", encerrou Vasconcellos.
A chapa "Vencer, Vencer, Vencer" promoveu um evento na última segunda-feira (31) com a presença do ídolo Zico e segue a campanha para a eleição presidencial do fim do ano. No mesmo dia, o mandatário Eduardo Bandeira de Mello foi o primeiro a inscrever a candidatura e escolheu a cor azul para representar a corrente da situação. O episódio foi apenas mais um na briga política entre os ex-aliados.

Noticias Relacionadas

Nenhum comentário: