Videos'do Editor

Entenda como o dólar acima dos R$ 4 provoca disparada dos preços, do pão à gasolina

Segundo o especialista econômico Rodrigo Leone, a alta da cotação do dólar, aliada ao aumento da inflação, que chega a mais de 7%, ainda pode resultar em alta nos preços de produtos consumidos diariamente

Moeda dos EUA influencia diretamente no seu bolso
O dólar segue em uma sucessão de altas e fechou cotado a R$ 3,98 nessa segunda-feira (21), um dos maiores valores registrados desde outubro de 2002, quando a moeda chegou a custar R$ 4. O aumento da cotação tem influenciado na inflação e feito com que o bolso do paraibano sinta a elevação dos preços.



Segundo o especialista econômico Rodrigo Leone, a alta da cotação do dólar, aliada ao aumento da inflação, que chega a mais de 7%, ainda pode resultar em aumento nos preços de produtos consumidos diariamente.

“O dólar impacta na inflação e é parte integrante de vários custos em produção e transporte de produtos, como nos combustíveis, no minério de ferro, no trigo e outros insumos que são importados pelas empresas brasileiras. Com isso, o aumento do dólar vai impactar, por exemplo, no preço final da gasolina, do pão francês, dos carros e de outros bens de consumo”, afirmou Rodrigo Leone.

O aumento de preços, segundo Rodrigo, é repassado ao consumidor final porque as empresas terminam tendo maiores despesas com o frete e a distribuição de produtos, a partir da elevação do dólar e da inflação.

Dados ruins

A economia brasileira segue dando sinais ruins. Além do dólar caro, o Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todas as riquezas produzidas no país, pode fechar 2015 com queda de 2,70%. A informação é do boletim Focus, divulgado nessa segunda-feira (21). Para 2016, o pessimismo deve permanecer e, segundo o boletim, deve haver queda de 0,80% no PIB.

O Banco Central também não tem notícias boas e informou nessa segunda (21) que a atividade econômica do país caiu 0,2% em julho, pelo segundo mês seguido.
Portal Correio

Noticias Relacionadas

Nenhum comentário: